A coordenação motora é outro benefício gerado pela prática esportiva na infância

CRIAR HÁBITOS SAUDÁVEIS
18 de maio de 2021
Santo André/Apaba enfrenta o Ituano no Paulista
7 de outubro de 2021
Exibir tudo

A coordenação motora é outro benefício gerado pela prática esportiva na infância

A coordenação motora é outro benefício gerado pela prática esportiva na infância.

O esporte exige a habilidade de correr, chutar, arremessar, saltar e a medida em que essa prática se torna um hábito, de maneira natural o desenvolvimento motor é refinado.

Assim como uma criança em seus primeiros passos se sente desconfortável para andar se não estiver de mãos dadas com a mãe, ou se não estiver se apoiando nos móveis da casa, a coordenação motora também precisa ter um apoio, ou seja, é preciso praticar continuamente até que tenha pleno domínio sem ter que pensar no que está fazendo.

Ao mesmo tempo que as mães através de lágrimas expressam o sentimento de cooperação ao ver os primeiros passos dos pequenos pelo estímulo por elas dado, nos pequenos o sentimento é de conquista, mas de nada valerá se tal estímulo for dado uma única vez.

Certa vez presenciei uma cena que muito me preocupou.
Eu estava numa praça perto de casa me exercitando quando chegou uma senhora com sua filha e seu netinho de uns dez anos de idade. Trouxeram um skate e reparei que o garoto só andava se estivesse sentado e logo percebi que não era opção do pequeno, mas por uma ordem expressa da mamãe.

Sim, ele estava usando os acessórios de proteção, mas ainda assim não lhe era permitido tentar explorar aquele esporte como as demais crianças.
Se os riscos te incomodam, faça como nos primeiros passos da infância e dê as mãos como apoio para que ele se desenvolva, esse foi o meu pensamento.

Muitas vezes subestimamos e acabamos por desencorajar as crianças pelo estímulo negativo que lançamos sobre eles. Nesse caso o estímulo foi o seguinte: se tentar ficar de pé você vai cair, vai se machucar e nós vamos ter que ir embora e nunca mais voltamos aqui, (palavras da mãe).

Fiquei pensando em como esse garoto poderia desenvolver sua coordenação motora sem a prática esportiva.
Tudo bem que alguns esportes exigem um pouco mais, porém penso que se realmente desejo ver o desenvolvimento motor pleno, devo dar os mais diversos estímulos.

Nosso mais ilustre nome do basquete mundial, Michael Jordan, é um grande exemplo de estímulos variados. Quando pequeno praticava basquete e baseball. Muitos vão dizer que ele não teve nenhum sucesso no baseball e eu vou concordar com isso, mas a ótica nesse caso é simplesmente ver os estímulos dados e a coordenação adquirida no processo do seu desenvolvimento.

De que maneira temos estimulado as crianças a desenvolver coordenação motora? Negando ou oferecendo a prática esportiva?

Que tenhamos em mente a certeza de que a prática esportiva é o maior veículo de desenvolvimento da coordenação motora.

 Ex-atleta do Franca Basquetebol Clube
 PRINCIPAIS TITULOS PELOS CLUBES:
 Campeão Paulista 92/93
 Campeão Brasileiro 93, 97
 Campeão das Américas – Equador 93, Argentina 94
 PELA SELEÇÃO BRASILEIRA:
 3º Lugar na Copa America Juvenil – Porto Rico 1989
 5º Lugar no Mundial Sub 22 – Espanha 1989
 INDIVIDUAL:
 Troféu Oswaldo Caviglia de melhor do ano A2 – FPB 98
 Campeão de enterradas Jogo das estrelas – Brasil 94
 Campeão Sul Americano de enterradas – Argentina 93

Isaias de Souza
Cref 026766-G/SP

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support